Lê Turano - Let's Go Blog
DESTAQUES
Baby Kids - Mala Maternidade!

BABY KIDS - MALA MATERNIDADE!

O que levar na mala da Maternidade? Essa é uma dúvida muito comum para a maioria das gestantes, e claro, era a minha também. Algumas maternidades e hospitais fornecem uma listinha para que possamos ter uma base do que levar, mas os questionamentos de uma mente grávida (e de primeira viagem) geralmente vão além do que está no papel.

Como nós sabemos, é aconselhável arrumar a mala da maternidade no máximo até a 36ª semana (ou antes), é tanto como o parto de Luca não estava planejado para a data que ele nasceu as coisas já estavam prontas. Mandei customizar saquinhos de tule com fitinhas que vieram com várias coisinhas que comprei para o Luca ao longo da gestação, como jogos de lençol por exemplo. Ficaram práticos, já que são transparentes, bonitos e uma fofura, né?!  Esse Kit de malas Maternidade vermelha é da Baby Kids elas possuem amplo espaço que permite levar os pertences mais importantes.  Além que é super estiloso e versátil, pronto para ser usado por mamães fashions e que gostam de praticidade! Aqui vai algumas dicas de como montar sua mala e a do seu bebê.

Na minha mala, coloquei tudo que eu poderia precisar: 

2 pijamas de malha com abertura ou gola em V 

1 roupão ou casaco 1 cinta pós parto 

3 sutiãs/tops de amamentação 

1 par de havaianas para o banho

1 toalha de banho 

1 toalha de rosto 

1 roupa para sair da maternidade 

Nécessaire com itens de uso pessoal

Pasta com documentos, ecografias, exames de sangue, guias liberadas e meu plano de parto (muito importante!)

Carteira (somente com RG, carteirinha do plano, um cartão e dinheiro para alguma emergência)

Ah, meninas, preferi levar também lençóis, fronhas, cobertas. Mesmo o hospital oferecendo, optei por usar os meus. 

 Na mala do bebê

6 macacões para recém-nascidos 
6 calças 
6 bodies 
1 casaquinho 
várias meias 
1 manta 
fraldas de tecidos e paninhos de boca

Itens de higiene pessoal do Luca

Dicas para fazer a mala do bebê 

- Não se esqueça de tirar etiquetas e alfinetes que possam machucar o bebê. 
- Lave as roupinhas previamente, com sabão neutro e sem usar amaciante. 
- Você pode separar mudas de roupinhas completas em envelopes, facilitando a hora de trocar o bebê. 
- Prefira roupas de tecidos orgânicos ou 100% algodão. Fique atenta aos botões e aberturas, para facilitar as trocas. 
- Cheque com o hospital a necessidade de itens específicos.

 

Então meninas, são tantos detalhes na hora de ir à maternidade que o melhor é começar a se organizar dois meses antes do previsto. Documentos necessários para a internação, enxoval da mãe e do bebê e mais uma série de coisas que foram listadas acima.

Espero que esse post ajude vocês na hora de montar suas malas. E claro, não deixem de comentar aqui!

Beijos!

DEIXE SEU COMENTÁRIO

INSTAGRAM